Corinthians vence Botafogo-SP por 1 a 0

No passado dia 24 de fevereiro, o Corinthians venceu o Botafogo/SP por 1×0, em jogo disputado em Ribeirão Preto. A aparente diferença entre os dois times, tanto no estatuto quanto na posição atual no Paulistão, não foi refletida pelo magro resultado nem pelo próprio jogo. Todavia, não brilhando, o Timão foi eficiente e trouxe mais três pontos para casa, enquanto o Botafogo paulista segue na lanterna do grupo D.

Paulistão: rodagem e poupança

Acontece por vezes, em jogos de menor pressão da competição estadual, as grandes equipes aproveitarem para poupar seus jogadores principais e darem mais minutos de jogo às reservas e aos futuros craques. Fábio Carille, treinador do Timão, fez isso mesmo – tanto mais justificado quanto o jogo era às vésperas de um importante desafio contra o Racing da Argentina, para a Copa Sul-Americana. Entre outros, Sornoza e Fagner foram poupados. Quanto às novidades, entraram Marllon e Pedro Henrique para a zaga, enquanto Mauro Boselli foi responsabilizado de comandar o ataque, na companhia do veterano Vagner Love.

Lentidão e susto…

Mas a torcida do Timão sofreu bastante antes de ver seu time conseguir o gol da vitória (o primeiro marcado por Boselli ao serviço da equipe). Ao mesmo tempo, a turma do Botafogo mostrou porque é preciso contar com eles na luta para fugir ao rebaixamento. Durante toda a primeira o Timão pareceu bastante lento. Aos 26 minutos, Pará esteve perto de conseguir o gol para seu time. Aos 40 minutos, um lance importante: Plínio vê o cartão vermelho por cravar sua chuteira bem nas costas de Ramiro. O Corinthians passava a jogar com mais um jogador.

Finalmente o gol

O Timão esteve bem perto de inaugurar o marcador logo no começo do segundo tempo, mas a cabeça de Boselli levou a bola a passar um pouco ao lado do poste. Só aos 37 minutos veio finalmente o gol de Boselli.

No final, Carille ainda pediu a seus jogadores para segurar o resultado…